Chuvas Castigam Santa Catarina.

25 nov
Alagamento em Blumenau  

Alagamento em Blumenau

O número de mortos por conta da chuva que castigou o Estado de Santa Catarina nos últimos dias chegou a 65.

Na tarde desta segunda-feira, 10 pessoas perderam a vida em deslizamentos em Gaspar, no Vale do Itajaí. Mais uma pessoa morreu soterrada em Ilhota, também no Vale, elevando o total do município para 15, o maior de todas as cidades atingidas pelos alagamentos. No início da tarde, cinco corpos foram encontrados soterrados. Outras 14 pessoas estão desaparecidas no município. 

Blumenau, é a cidade mais destruída pelos deslizamentos e alagamentos provocada pela chuva, mas aparece em segundo lugar em número de mortes, com 13 falecimentos.

Oito municípios estão isolados: São Bonifácio, Luiz Alves, São João Batista, Rio dos Cedros, Garuva, Pomerode, Itapoá e Benedito Novo. Gaspar seguiu o exemplo de Blumenau e decretou estado de calamidade pública. A Defesa Civil ainda vai oficializar os decretos de Rio dos Cedros, Brusque, Itajaí e Tijucas.

Os alagamentos já deixaram 29.543 desalojados (pessoas que saíram de casa e abrigaram-se nas residências de parentes e amigos) e 14.608 desabrigados (moradores que abandonaram as casas e estão em abrigos), num total de 44.151 pessoas.

Cerca de 80% do município de Itajaí, continua debaixo d’água nesta segunda-feira. A água que desce do Vale do Itajaí pelo rio Itajaí-Açu chegou com mais força à foz, inundando áreas próximas. 

Apenas veículos pesados conseguiam transitar pela cidade durante o dia. Nos hospitais, faltou água potável. Nos bairros a água chegou a cobrir residências e isolar famílias. 
Os três acessos à cidade pela BR-101 estão cobertos d’água. A única passagem liberada é pela rodovia Osvaldo Reis, no perímetro urbano, que liga o município a Balneário Camboriú. 

A previsão para os próximos dias é de continuar chovendo, porém com menos intensidade.

Para se ter uma idéia da situação, em Blumenau, nem as rádios estão funcionando.

Desabamento na SC401

Desabamento na SC401

Aqui em Florianópolis, no bairro onde moro, não houve problemas. Mas moradores do sul e do norte da ilha tiveram suas residências alagadas, e alguns desmoronamentos de barreiras interditaram estradas, o caso mais grave na SC401, que liga o centro ao norte da ilha, onde a pista está interrompida e os bombeiros acreditam que levará 20 dias, em média para que seja liberada.

Pelo menos por aqui, nenhum morto.

Anúncios

Uma resposta to “Chuvas Castigam Santa Catarina.”

  1. blufacil 12 outubro, 2010 às 9:22 pm #

    ótimo blog, adicionei em meus favoritos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: