Arquivo | janeiro, 2009

As aventuras de Mário, o Publicitário

28 jan

Arte, texto e argumento: Rodrigo Franco

rodrigo_franco_mario_o_publ56

Anúncios

Gmail offline com o Google Gears

28 jan

20060226-gmail-logo-google-tm O Google acaba de adicionar ao Gmail Labs, uma versão do Google Gears que permite tornar o seu webmail acessível mesmo quando você estiver offline. Após instalar o plug-in Google Gears , a tecnologia do Gears irá baixar e sincronizar os dados localmente enquanto você estiver online.

Uma vez offline, o Gmail detectará que você está offline e usará as informações armazenadas no seu computador. Simples, não? Claro que algumas funções que requerem conexão de internet não funcionarão, como corretor ortográfico, por exemplo. Mas o envio de mensagens funcionará. Suas mensagens serão colocadas numa caixa de saída e serão automaticamente enviadas assim que o Gmail detectar uma conexão. Lembre-se de que o Google ainda não adicionou a função a todos os usuários do Gmail e a novidade está ainda em estado experimental, ou seja, pode não funcionar perfeitamente.

Tutorial:
1. Acesse a página de configurações e clique na aba do Gmail Labs.
2. Selecione a opção “Enable” próxima a funcionalidade Gmail Offline.
3. Clique para salvar as mudanças.
4. Após o navegador recarregar, um link “Offline” aparecerá no canto direito da sua conta. Clique para ativar o processo offline e baixar o Gears, caso você não tenha a aplicação instalada.

Olha o videozin aí:

Fotógrafo registra posse de Obama em 1,4 gigapixels.

28 jan

imagem

Sempre que eu via um filme onde os personagens ficam ampliando fotos e dando zoom em detalhes imperceptíveis sem perder a qualidade da foto, eu zuava muito. Eu explico: Com uma foto comum, de digamos 8 megapixels, por exemplo, não podemos perceber detalhes como o sorriso de um dos integrantes da torcida de um time, se a foto for batida de uma certa distância. É a lei do pixel.

Pois o fotografo David Bergman achou que a ia ser legal me fazer calar a boca. Ele aproveitou a posse do novo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, um acontecimento deveras  simbólico, para capturar o clima com mais do que apenas uma simples foto. Ele decidiu imortalizar o momento em uma gigafoto. A imagem panorâmica é formada por 220 fotos feitas com uma câmera Canon G10 (compacta amadora avançada) e ao serem juntadas formaram uma imagem de 59.783×24.658 pixels, totalizando 1.474 megapixels ou seja, 1,4 gigapixels.

A façanha foi possível utilizando um simpático robô chamado Gigapan. A pequena máquina faz o que nós tentamos fazer com nossos tripés. Uma série de fotos na horizontal e depois outra série nas partes de cima e abaixo do primeiro plano fotografado, e assim por diantee. Segundo o fotógrafo, o software do equipamento levou mais de seis horas e meia no MacBook Pro para juntar todas as imagens. O arquivo TIFF ficou com o absurdamente impressionante tamanho de 2 gigabytes.

Olhando a fotol, que já virou fenômeno na internet, é impressionante notar a qualidade da imagem. É possível dar zoom na foto e ver a expressão facial das pessoas que estão assistindo a cerimônia.

Quer ver a foto? Então clica AQUI e divirta-se.

Flashmob da T-Mobile vira comercial em 48 horas.

27 jan

1

A operadora de telefonia T-Mobile organizou, na estação da Liverpool Street do metrô de Londres, no dia 15 de janeiro, um flashmob que virou um mega comercial. A criação da peça é da Saatchi & Saatchi de Londres, e explora a reação das pessoas a um evento inesperado.  Os grupos Frozen Grand Central (do Improv Everywhere) e Evolution of dance foram os responsáveis pela coreografia e por segurar a onda de colocar quase 400 pessoas no ritmo.

Durante a semana que antecedeu às filmagens, um Brand Channel no YT avisava, através de uma contagem regressiva, que estava chegando a hora da filmagem do comercial. Portanto, várias pessoas se anteciparam e foram até a estação de metrô acompanhar e participar da ação. Alguns até dançaram juntos com os artistas convidados. Uma verdadeira resposta a intenção prevista pela T-Mobilefazer com que as pessoas dividem coisas inesperadas e maravilhosas com as outras pessoas .

O comercial tem quase 3 minutos e foi ao ar na noite de 16 de janeiro, ocupando um break inteiro do ‘Celebrity Big Brother’, no Channel 4 inglês. Isto tudo apenas 48 horas após o início das filmagens. A assinatura da campanha é “Life’s for sharing”.

Espia aí:

E também o Making Off:

Cerveja Stella Artois dá desconto às avessas.

23 jan

A valorização e o culto pela marca são os princípios das campanhas da cerveja STELLA ARTOIS (que aqui no Brasil é da AmBev).  É só dar uma olhada nos últimos comerciais da marca para perceber como eles trabalham de maneira primorosa com esse conceito.

São detalhes assim e uma comunicação fiel por vários anos que fazem dessa cerveja, criada há quatro séculos, uma das mais cultuadas do mundo.

A valorização da marca chega a tanto que, muitas vezes, nem sequer o logo da cerveja é inserido nos anúncios.

Essa pretensão é a grande mágica da coisa. É uma marca construída de forma tão integrada ao longo dos anos, que hoje eles podem ser pretensiosos e ainda sim permanecerem simpáticos com seu público.

É o caso desta curiosa e ousada ação. O consumidor recorta um selo impresso em jornais e paga 20% a mais pela cerveja.

A alegação é simples: o preço da bebida belga está muitoabaixo da qualidade oferecida. A criação é da agência Lowe Worldwide.

Espia aí:

Image Hosted by ImageShack.us