Arquivo | 7:35 pm

Filme da Semana – Nome Próprio

6 nov

banner_nome_proprio

Os textos de Clarah Averbuck, escritora gaúcha,  sairam dos blogs e viraram os ótimos livros Máquina de Pinball Vida de Gato, depois, foram adaptados para o cinema sob o título de Nome Próprio (2008).

Na telona, a protagonista Camila Jam, vivida por Leandra Leal já começa dando pinta do turbilhão de emoções contraditórias que formam sua personalidade, chorando, desesperada depois de uma noite errada com a pessoa errada. Fato que, para ela, não é erro algum. Simplesmente aconteceu.

leandra

Com uma personalidade autodestrutiva, Camila afunda, durante o filme, em um abismo de bebidas, drogas, e sexo sem freio algum.

Mas se o filme tinha tudo para ser chato e cansativo, devido ao fato de que Leandra Leal atua sozinha em boa parte dele, me deixou engatado. Talvez pelo estilo de filmagem de Murilo Salles, com uma câmera nervosa, seguindo as personagens e te colocando dentro da história, ou pelo uso extenso de uma metalinguagem pouco explorada no cinema, onde enquanto Camila “bloga”, as letras vão aparecendo na tela do micro, nas paredes, no chão.

0,,15259116-EX,00

Vale ainda dizer que, apesar do fato de que a atriz passa quase a película inteira nua, ou com roupas mínimas, e de algumas cenas pornográficas bem agressivas surgirem, em certo ponto do filme esqueci deste fato, tamanha a competência da atuação.

Além disso, a trilha sonora é demais!

Enfim, é um filme pra quem gosta de cinema bem feito e de histórias densas, e não tem medo de embarcar no universo paranóico da personagem.

Abaixo o trailer pra dar um gostinho.

Anúncios