Tag Archives: Terror

Filme da Semana – Deixa Ela Entrar

13 nov

deixe-ela-entrarTOP copy

O filme começa nos apresentando Oskar, um garoto sueco de 12 anos que está cansado de ser saco de pancada na escola e que treina seu revide sozinho no quarto com uma faca tentando passar por uma atribulada adolescência. Um dia ele conhece uma garota que acabou de se mudar para o seu prédio e que tem a janela do quarto tapada com papelão. Eli, a menina, assim como ele, não é muito sociável e também tem 12 anos. Eles acabam ficando amigos, e a identificação entre os dois é quase que imediata e de uma força gigantesca. O problema é que ela não é uma garota comum…

deixa-ela-entrarquot-me

Sim, Deixa Ela Entrar é um filme de vampiro. Mas não é um qualquer. Esqueça todos os clichês e modismos, as cenas aterrorizantes e dentões à mostra. O diretor Tomas Alfredson prefere insinuar. Ele tem grande apuro estético no uso do scope, a proporção 2,35:1 de tela, ideal para as paisagens suecas. E aposta no contraponto dos filmes de terror da atualidade. Busca o suspense. Espalha aos poucos as imagens de terror para, com maestria,  ampliar e valorizar esse suspense.

deixa-01

Deixa Ela Entrar e recheado de tensão e diálogos psicológicos. Na verdade não é só mais um filme de vampiro, é sim um exercício metafórico de entendimento dos temores e dilemas da adolescência.

P.S. – O final é absolutamente antológico.

Abaixo o trailer legendado:

Filme da Semana – [REC] (2007)

19 nov

 

rec 

[REC]

Espanha – 2007

Direção: Jaume Balagueró
Roteiro: Jaume Balagueró,Luiso Berdejo,Paco Plaza
Elenco:
Manuela Velasco, Ferran Terraza, Pablo Rosso, Martha Carbonell, Vicente Gil

Sinopse: Uma repórter de TV e seu cinegrafista seguem um grupo de bombeiros da cidade. Depois que recebem um chamado de uma senhora que diz estar presa dentro de casa, eles chegam ao prédio dela e escutam gritos apavorantes – que dão início um longo pesadelo e a uma reportagem nunca vista antes.

[REC] é um desses filme de suspense / terror que te prende à poltrona causando angústia e medo em poucos minutos.

O filme começa durante a cobertura de um programa apresentado pela jovem repórter Angela Vida. O objetivo inicial seria mostrar a rotina dos bombeiros com seus chamados e tudo mais durante a madrugada. Porém, um chamado mudaria a vida de todos. Ao chegarem ao prédio, todos os residentes estão apavorados já que aparentemente uma senhora perturbada está interrompendo o sono de muita gente e é exatamente aí que o filme começa.

Logo nos minutos iniciais já estamos nos acostumados com a forma com que a câmera é trabalhada, e não demora muito para sentirmos a mesma a tensão representada pelos personagens do filme, já que fica claro que a protagonista na verdade é a própria… Câmera. Mas Hein?

É isso mesmo, a dita se torna a essencial arma de sobrevivência dos residentes do prédio. Pois, para sair vivo, não basta largar a câmera e correr, ela dispõe de recursos como visão noturna e a própria iluminação, ítens que em dados momentos eles precisam.

Quarantine é a versão hollywoodiana do filme, aà qual, confesso que não gostei muito.

Bom filme para uma quarta à noite.

Trailer: